O Futebol à boa maneira portuguesa

Os clubes em Portugal – principalmente os “grandes” – estão enterrados em dívidas até ao pescoço.

Para isso, muito contribuiuram a construção de luxuosos estádios de futebol e de centros de estágio.

Ainda assim, todos os anos, vão fazer estágios de pré-época para hóteis e locais de luxo no estrangeiro.

Porquê? Não faria sentido controlarem custos e aproveitarem as suas espectaculares e novas infra-estruturas?

A resposta é fácil. Tudo isto é puro novo riquismo. Daquele que esbanjou com tanta rapidez como enriqueceu.

E agora, mesmo endividados até ao tutano, não mudam o estilo de vida. Alguém há-de pagar, ou perdoar.

Anúncios

2 Responses to O Futebol à boa maneira portuguesa

  1. djizas diz:

    Parece-me que está equivocado. Os clubes grandes, que são aqueles que fazem estágios fora do país, não gastam um tostão com esses estágios, uma vez que esses as receitas/cachets, dos jogos, bastam para cobrir os custos logísticos.
    Preocupante é o caso dos clubes pequenos, que falidos que estão, não se coíbem de fazer estágios fora da sua cidade em hoteis com todas as comodidades sem qualquer receita esperada que possa compensar esse custo.

  2. É assim com o futebol e com muitas outras coisas, mesmo que as equipas grandes consigam pagar estes estágios com as receitas do mesmo, os pequenos dificilmente o fazem… Mas é tal e qual isso, é este “novo riquismo”! O futebol é só mais um espelho da sociedade que temos…

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: