Votar contra nos congressos do PSD

Confesso que não segui o XXXV Congresso Nacional do PSD como queria, ou como me é habitual, com toda a atenção. Por falta de tempo, por falta de vontade, por dificuldade em aceder aos canais de notícias a partir do estrangeiro.

Mas vi algumas notícias, e consegui assistir a algumas das intervenções mais importantes – em directo nas rádios, no site do congresso ou mesmo em vídeos posteriormente publicados em sites de partilhas de vídeo (p.ex. Youtube).

Nada de muito relevante se passou. Os congressos servem cada vez mais para ratificar o nome do líder – Sim, o nome. Porque a estratégia pouco imteressa – e para distribuir os lugares de mais ou menos poder nos órgãos partidários.

Já não se ouvem intervenções políticas de fundo sobre o rumo do partido e do país. Já não se ouvem criticas às políticas do Governo, ou às propostas caso se esteja na oposição. Apenas se vêem tentativas de posicionamento pessoal.

E depois passa-se a correr sobre a apresentação das Moções e Propostas Temáticas, que ao invés de trazerem estratégias e propostas políticas para o partido e para o país, servem apenas para ajudar ao tal posicionamento pessoal.

A prova disso é que ninguém as lê. O que fica bem demonstrado pela votação das mesmas. São todas aprovadas. Ninguém vota contra. Mesmo que nelas estejam escritas as maiores barbaridades. Coisas que, por vezes, vão contra a matriz do partido.

Recordo-me dos dois congressos da JSD em que fui delegado. O XVI Congresso (Setembro 2002, Póvoa de Varzim) e o XVIII Congresso (Dezembro 2004, Fundão). Li com atenção todas as Moções e Propostas Temáticas. Votei contra algumas.

Não me esquecerei dos olhares dos delegados que se sentavam à minha volta. Pasmados, com cara de quem pensa “Mas o que é que estás a fazer? Isto não se vota contra! Somos todos do PSD!“. Pois, mas para mim a política não é futebol.

3 respostas a Votar contra nos congressos do PSD

  1. clap, clap, clap
    nem mais!
    somos todos PSD, mas pensamos por cabeça própria.

  2. Oi diz:

    Gostei do senhor de 80 e tal anos de idade que disse:-As mulheres gostam de si, e que dizem.nunca houve um presidente do PSD,tão bonito,Passos Coelho.Ligo a televisão,no telejornal, e só vejo uma pessoa com as cuecas na mão.Pois para a tv enjoada, o país nunca melhora.

  3. née diz:

    Como se sentia o Luís Melo quando discursava nos congressos,sentia-se nervoso, à vontade,também usava ou escrevia estes textos,como salta pulga,anda para frente pulga,como usados neste congresso.?

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: