Suspendo a minha condição de adepto

O que se passou hoje no Estádio do Dragão é uma gigantesca vergonha. É não só uma machadada enorme no prestígio de um clube que foi grande, mas é também uma enorme falta de respeito pelos adeptos do FC Porto.

Aquele a quem colocaram o título de “treinador” entrou em campo com uma equipa cheia de segundas linhas, quando precisava de virar uma eliminatória. E depois de se ver em maior desvantagem ainda, rodou jogadores.

A precisar de marcar 2, 3 ou 4 golos, o FC Porto não conseguiu criar mais do que 2 oportunidades claras de golo. Não conseguiu construír uma única jogada com início, meio e fim. E tremeu sempre que o Borússia se aproximou.

Exceptuando os humildes trabalhadores Danilo, Aboubakar e Suk, não houve um único jogador “à Porto”. Nem sequer o capitão Neves, Maxi ou Casillas (este meteu dó, pela linguagem corporal).

Tudo isto se passou nas barbas de uma massa adepta que foi um dia tão exigente que até intimidava jogadores e treinadores. De um presidente que foi um dia tão difícil de contentar que até descia ao balneário nos intervalos.

Sinto-me absolutamente indignado. Esta equipa de futebol não tem categoria para estar em nenhuma liga da Europa. É gritante a mentalidade tacanha e a pequenês do espírito que reina neste grupo de “profissionais”.

Isto, num clube que nos últimos 40 anos se destacou pela glória alcançada através do espírito campeão. E que teve na capacidade de luta, de superação, de engenho e de crer as bases das suas imensas conquistas.

Nenhuma equipa que tenha o mínimo de auto-estima, de dignidade, de respeito por si própria, entra em campo para fazer o que o FC Porto fez hoje. Esta equipa é pequena. Muito pequena. E continuará a ser pequena, até que muita coisa mude.

Grandes são os que, como o Manchester United de 1999, a perder 1-0 aos 90 minutos lutam até ao último segundo para conquistar uma Champions League com golos aos minutos 90+1 e 90+3.

Os que desistem no início, a meio ou mesmo antes de entrar em campo são hoje e serão sempre os vencidos, os derrotados, os pequenos. Nunca serão grandes, por mais adeptos que tenham.

Hoje, depois desta vergonha, suspendo a minha condição de adepto da equipa de futebol sénior do FC Porto. Suspendo até José Peseiro sair. Até Marcanos, Angels, e Evandros desaparecerem. Até esta equipa conseguir recuperar alguma dignidade.

3 respostas a Suspendo a minha condição de adepto

  1. Nelson Branco diz:

    De facto Luis foi demasiado mau, foi como tem vindo a ser… demasiado mau, demasiado sofrido, demasiado mal jogado, demasiado falta de ideias, demasiados jogadores sem qualidade…
    Se acho que a culpa é do Peseiro?! Acho que não, apesar de ser um treinador que “mete os pés para dentro”, um “cagão”, na verdade é que herdou este grupo de matraquilhos… no lugar dele não teria aceite a proposta… estava-se mesmo a ver que ia dar… pois é, isso mesmo, ia dar aquela palavra que começa por M e acaba em ERDA, a coisa começa a feder até para o Peseiro!!!
    Aquele clube com garra foi-se perdendo à medida que a chama do Presidente também se vai estinguindo, à medida que os interesses da SAD se sobrepõe aos interesses desportivos!!!
    Acho que o Porto precisa de começar a preparar a transição sob pena de prosseguimos sem rumo nesta caminhada pelo deserto!

  2. Daniel Fangueiro diz:

    Luís, geralmente concordo com o que normalmente escreves. Hoje concordo com o sentimento de adepto que pede mais respeito e garra pelo clube. Não concordo que o Ruben Neves e o Maxi não tenham dado o máximo, podem ter jogado pior do que em outros jogos, mas jogam sempre no limite das forças que no caso do Max não eram muitas. Quanto ao Casillas não percebi a crítica e onde meteu dó. Esteve bem no jogo, não entendo este empolar de situações sobre o Casillas, quando tem a defesa que tem á frente dele. Por fim, suspender a condição de adepto, enquanto tiver lá o Pereira. Primeiro apesar de estar tão chateado quanto tu, suspender a condição de adepto é virar as costas ao clube, quando precisa dos adeptos. Depois o Peseiro numa escala de culpados é o último da fila. O que tu fazias com a nossa bela bosta de jogadores disponíveis? Os adeptos tem de apontar baterias para a SAD, que tem 100% da culpa pelo estado a que chegamos. Em primeiro lugar por ter permitido que um treinador fraco e inútil tivesse ficado mais do que 1 época e tenha destruído a nossa mística e o nosso modelo de jogo. Em segundo lugar por ter chegado a esta altura do campeonato com a equipa que temos. Mas na verdade eu e tu sabemos que o PC vai ser eleito sem concorrência nas eleições e só vai sair do clube de caixão. Quando ele sair, já estaremos muito lá no fundo… não vai ser fácil…

  3. Portista diz:

    Só roubalheira de árbitros benfiquistas que favorecem o Benfica, e locutores de rádio benfiquistas e sportinguistas que favorecem o Benfica e Sporting ,País comunista e Benfiquista, Casilhas não defende um cú ,volta Victor Baía, Marco Silva, Mourinho, estão perdoados.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: