Só se perderam as que cairam no chão

15/11/2012

Vi hoje as notícias e os vídeos sobre o que se passou ontem ao final da tarde em frente à AR. Não vou sequer perder tempo a explicar a minha posição. Estou como o Henrique Monteiro, chamem-me o que quiserem.

Neste momento só quero usar uma expressão popular que diz “só se perderam as que cairam no chão”. Tenho muita pena que a PSP não tenha conseguido acertar mais bastonadas e fazer mais detenções entre os arruaceiros.

Sim, porque aquilo não são manifestantes descontentes com o Governo e o com estado do país. São arruaceiros, delinquentes, vândalos e criminosos que se auto-satisfazem com violência gratuita sobre as autoridades.

Quanto aos “inocentes” – que para mim nunca o são na totalidade – que gostam de se fazer de “vítimas” dizer o seguinte. No futebol nunca vou para a bancada das claques. Num concerto nunca vou para o local do mosh.

Conseguem entender seus idiotas? Ou vocês acham que estando no meio daqueles arruaceiros não corriam nenhum risco? A PSP até avisou duas vezes antes de carregar, dando tempo suficiente para vocês dispersarem.

Segundo consta até vocês próprios tentaram, sem sucesso, demover os arruaceiros falando com eles e até colocando-se entre eles e a polícia. Depois disso, o que ficaram ali a fazer? Não sabiam como é que aquilo ia acabar?

Não tenho pena nenhuma de uns ou de outros. Só tenho pena que não tenham levado mais nesse lombo. Podia ser que para a próxima fossem para casa no fim da Manif que, by the way, passou novamente para segundo plano na CS.


%d bloggers like this: