Hulk e CR7: a inveja dos milhões, carrões e mulherões

06/11/2011

A qualidade (ou falta dela) do jornalismo desportivo português está bem patente nas capas dos diários de hoje. As referências ao jogo entre o FC Porto e o SC Olhanense colocam ênfase em Hulk, como se fosse ele culpado pelos recentes desaires. Infelizmente percebe-se muito pouco de futebol nas redacções dos jornais.

Mas o mais greve é que alguns jornalistas até percebem de futebol, só que sabem como é o “tuga” e “vendem” o que ele quer “comprar”. O problema é que assim, o cerne da questão (neste caso, Vítor Pereira) não é posto em causa e o problema persiste. Prestam um mau serviço ao clube, à competição, e ao futebol.

O “tuga” percebe zero de futebol porque isso implicaria pensar e estar atento ao jogo. Ao invés ele só se preocupa em descarregar as suas frustrações. Por isso culpa o alvo mais fácil: os jogadores estrela, como Hulk ou CR7. Por uma única razão: inveja. Gozem, mas CR7 tem razão. São eles que têm milhões, carrões e mulherões.


#CR7 e a típica inveja tuga

13/01/2011

Impressiona-me sobremaneira, ver tanto português elogiar Lionel Messi e ignorar Cristiano Ronaldo. Não está em causa se um é melhor do que outro, está apenas em causa a atitude para com cada um.

Não sou apologista de bairrismos provincianos, mas qualquer português deveria ter orgulho em Cristiano Ronaldo, no que ele representa e a forma como representa.

Não haja dúvidas que se deve a ele o facto de agora, os Portugueses serem considerados e olhados de outra forma (uma forma bem mais positiva) pelos estrangeiros, em todo o mundo!

Nestes últimos dias fez-me impressão ouvir muita gente minha conhecida (e de outros) relevar o facto de Messi ter marcado 3 golos em jogo da Taça frente ao Bétis (da 2ª divisão!).

E fez principalmente porque não vi os mesmos, 2 ou 3 dias antes, a elogiar as qualidades do CR7 da mesma forma, quando este marcou 3 golos e fez uma assistência em jogo do Campeonato frente ao Villareal (3º classificado!)

Não se trata obviamente só de um jogo. Mas também não é preciso recuarmos muito na estatística. Nesta época, Cristiano leva 23 golos apontados na Liga (50% do R.Madrid) e Messi leva 18 golos (30% do Barcelona).

Irrita-me esta forma de actuar dos Portugueses, que não conseguem digerir o sucesso de um compatriota seu… é típica inveja tuga… E o mesmo se passa com Mourinhos e afins…


%d bloggers like this: