Onde está o risco sistémico?

Nunca fui cliente do BES. Nunca gostei do BES. Nunca fui com a cara do Ricardo Salgado. Coincidência ou não, sou cliente dos únicos dois bancos que (ainda) não mostraram dificuldades: Santander Totta e BPI.

Quando estava na Novabase, trabalhei em dois projectos do BES (no BEST e no BESI). Odiava o ambiente no banco. Aliás, pedi mesmo para saír do segundo projecto.

Estive contra qualquer nacionalização ou salvação de bancos quando a crise rebentou. BPN, BPP, BCP.

Mas agora que o BES está em dificuldades… o que é feito do “Risco Sistémico”?

Aquele que levou o governo socialista (com a conivência de outros responsáveis políticos de todos os quadrantes políticos) a decidir salvar/nacionalizar esses bancos?

Aquele que obrigou os portugueses absorver (e pagar!) os milhares de milhōes de euros dos buracos negros criados por má gestão e ilegalidades?

Havia risco sistémico quando se tratava de bancos menores, e agora não há quando se trata do maior banco privado português?

Por aqui se vê que não havia risco sistémico nenhum. Houve foi um primeiro-ministro e um governo (e outros responsáveis políticos) que quiseram encobrir os crimes que foram cometidos nesses bancos, e que arrastariam muitos deles.

Desta vez, há um governo que parece não ter esse receio. E portanto disse não. Não irá usar dinheiro dos portugueses para corrigir má gestão e hipotéticas ilegalidades num banco privado.

O tempo continua a mostrar que Passos Coelho continua a surpreender, pela positiva. O tempo continua a mostrar que José Sócrates foi um péssimo primeiro-ministro, que desgraçou Portugal.

10 respostas a Onde está o risco sistémico?

  1. Zekim diz:

    Quanto ao risco sistémico, parece que está a ficar provado a asneirola que estás para aí a dizer.

    • Luis Melo diz:

      Caro anónimo, tudo o que se esta a passar prova que tenho razão.

      Um breve comentário aqui http://m.expresso.sapo.pt/inicio/modal/destaques/artigo/880636

      • Zekim diz:

        Caro não anónimo, tudo o que se está a passar é uma misturada no seu artigo pseudo-económico, onde mistura bancos e empresas financeiras com crises e trapalhadas em empresas não financeiras. Mas como tem que falar sempre de Sócrates pelo meio… fale em primeiro lugar de algo que está publicado com documentação e, por um princípio básico de ética, deveria resultar na devolução do dinheiro ganho em meia dúzia de meses através de pseudo-ações não cotadas em bolsa, de forma a continuar a desempenhar cargos públicos. Refiro-me ao BPN/SLN e ao atual presidente da república e família. Bem sabe que a esmagadora maioria das pessoas ligadas ao caso, e que se safaram, são, por acaso, laranjas. Também se esquece da forma/condições que este governo voltou a passar o BPN para as mãos privadas limpinhas, limpinhas, limpinhas do BIC! A não ajuda de Passos, acho muito bem, pois não foi um banco que pediu ajuda. No caso de ser o banco a pedir ajuda e ir pelo cano abaixo, pensa mesmo que se pode dizer, ai não é nada comigo? Sonhe

      • Luis Melo diz:

        Caro anónimo (i.e. Gente que tem muita língua mas pouco carácter)

        Este artigo não é sobre economia ou opções de gestão em bancos/empresas privadas. Ele é sobre política e as opções políticas, motivadas por interesses pessoais, tomadas por certos governos e determinados primeiros-ministros.

      • Zekim diz:

        Ora, em vez de estar a chamar nomes às pessoas, simplesmente pelo facto de utilizarem alcunhas para comentar, ligue a televisão no Domingo à noite para ver a entrada em força do estado no capital do BES. Já abriu os olhos, agora? Vou repetir o que tinha escrito “A não ajuda de Passos, acho muito bem, pois não foi um banco que pediu ajuda. No caso de ser o banco a pedir ajuda e a ir pelo cano abaixo, pensa mesmo que se pode dizer, “ai não é nada comigo”? Sonhe”. Ora, Boa noite. Ámen.

        http://www.jornaldenegocios.pt/empresas/banca___financas/detalhe/sic_e_tvi_estado_vai_entrar_no_capital_do_bes.html

      • Você é burro zeKim diz:

        Se estes estes senhores fossem presos acabava a corrupção.

  2. pASSOS cOELHO diz:

    O pASSOS coELHO UM POLÍTICO PARA A FRENTEX ,UMA NOVA ERA NA POLÍTA ,SEPARA O ESTADO DOS BANCOS, DO PRIVADO,NÃO PEDIU UM SEGUNDO RESGATE,O QUE FOI BOM PARA OS BANCOS.´SÓCRATES NÃO VAI PARA A PRISÃO.?

    • pASSOS cOELHO diz:

      Os Contribuintes não vão pagar pela má gestão de bancos e empresas privadas..

      • pASSOS cOELHO diz:

        Onde está o dinheiro do BES,OSalgado e os Espírito Santo, deviam ser julgados e presos pela Gestão danosa do Banco ?

    • Passos Coelho diz:

      Os milhões e bensdos Salgado e Espírito Santo deviam-se ser dados aos investidores prejudicados.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: